Em Picos, mãe e filhos eram mantidos em cárcere privado


Um caso de violência registrado esta semana chamou atenção da Polícia Militar e da população picoense. Uma mulher e seus dois filhos vinham sendo mantidos em cárcere privado pelo companheiro, no bairro Parque de Exposição. A situação já ocorria há três meses.

Segundo informações do comandante do 4º Batalhão da Polícia Militar de Picos, tenente-coronel Edwaldo Viana, o companheiro que não teve a identidade revelada é acusado de envolvimento com o tráfico de drogas, e já havia vendido grande parte dos objetos da casa, além de ameaçar a ex-companheira.

Quando chegamos à casa, vimos que o acusado já havia vendido quase tudo da casa. Flagramos ele tentando vender a bicicleta do filho. Esse elemento encontra-se preso e está proibido de chegar perto da vítima. Ele mesmo disse que na hora em que sair da prisão vai matar a ex-companheira”, disse o comandante.

A Polícia ainda esclareceu que o acusado agredia física e psicologicamente a mulher e os filhos.

Em três meses já foram registrados na cidade de Picos 41 atendimentos de violência doméstica, referentes à Lei Maria da Penha. Um dado alarmante e que responde a maioria das ocorrências atendidas pela PM. Para o comandante, o grande desafio nestes casos é que as mulheres denunciem formalmente a violência sofrida.


Fonte: Riachão Net

Marcadores: , ,